Revista Portuguesa de Cardiologia
ISSN: 0870-2551

A Revista Portuguesa de Cardiologia, órgão oficial da Sociedade Portuguesa de Cardiologia, foi fundada em 1982 com o objetivo de informar e formar os cardiologistas portugueses através da publicação de artigos cientí­ficos na área da arritmologia, cirurgia cardí­aca, cuidados intensivos, doença coronária, ecocardiografia, electrofisiologia, hipertensão arterial, insuficiência cardíaca, métodos de imagem entre outros. Trata-se duma revista mensal de elevada qualidade cientí­fica e gráfica, publicada em português e em inglês desde 1999 o que permitiu a sua larga projeção no estrangeiro. É distribuída a todos os sócios da Sociedade Portuguesa de Cardiologia, da Sociedade de Medicina Interna, da Sociedade de Portuguesa de Pneumologia e da Sociedade de Cirurgia Cardiotorácica, bem como a cardiologistas estrangeiros de renome internacional e a quase todas as sociedades congéneres do mundo. É referenciada desde 1987 na Medline e posteriormente no Índex Copernicius.

Ver mais

Indexada em:

Index Medicus/Medline, Science Citation Index Expanded/Journal of Citation Reports, Scopus

Ver mais

Siga-nos:

0,96 (2019)
0,785 (2018)
0,827 (2017)
1,195 (2016)
0,873 (2015)
0,454 (2014)
0,525 (2013)
0,592 (2012)
Fator de Impacto

O fator de impacto mede o número médio de citações recebidas em um ano por trabalhos publicados na revista durante os dois anos anteriores.

© Clarivate Analytics, Journal Citation Reports 2020

Fator de Impacto 2019
0,96
CiteScore 2019

O CiteScore mede as citações médias recebidas por documento publicado. Mais informação

CiteScore 2019
1,4

SJR é uma métrica de prestígio baseada na idéia de que todas as citações não são iguais. SJR utiliza um algoritmo similar ao page rank do Google; é uma medida quantitativa e qualitativa ao impacto de uma publicação.

SJR
0,23

SNIP permite comparar o impacto de revistas de diferentes campos temáticos, corrigindo as diferenças na probabilidade de ser citado que existe entre revistas de distintas matérias.

SNIP
0,423
Ver mais
Ocultar
Número
Vol. 40. Núm. 4.
Páginas 253-310 (Abril 2021)
Issue in English
Artigos originais
Mitral annulus is dilated with preserved function in acromegaly regardless of its activity: Insights from the three-dimensional speckle-tracking echocardiographic MAGYAR-Path Study
Attila Nemes, Árpád Kormányos, Péter Domsik, Anita Kalapos, Csaba Lengyel, Nóra Ambrus, Zsuzsanna Valkusz
Rev Port Cardiol. 2021;40:253-8
Open access
Artigos Originais
Comentário editorial
Mitral annular function in acromegaly: Still a lot to learn
Liliana Marta
Rev Port Cardiol. 2021;40:259-60
Open access
Paravalvular leak closure: Still a challenge with unpredictable results
Ana Galrinho, Luísa M. Branco, António Fiarresga, Duarte Cacela, Lídia Sousa, Ruben Ramos, Rui C. Ferreira
Rev Port Cardiol. 2021;40:261-9
Open access
Artigos Originais
Comentário editorial
Imaging techniques: Paving the way for paravalvular leak closure
Ana Pardo Sanz, José Luis Zamorano
Rev Port Cardiol. 2021;40:271-2
Open access
Dexmedetomidine attenuates H2O2-induced apoptosis of rat cardiomyocytes independently of antioxidant enzyme expression
Xiaojian Weng, Wenjiao Shi, Xiaodan Zhang, Jianer Du
Rev Port Cardiol. 2021;40:273-81
Open access
Artigos Originais
Comentário editorial
A novel cardioprotective strategy targeting mitochondrial reactive oxygen species production independent of antioxidant activity
Henrique Girão, Tania Martins-Marques
Rev Port Cardiol. 2021;40:283-4
Open access
Influence of left ventricular systolic function on the long-term benefit of beta-blockers after ST-segment elevation myocardial infarction
Jesús Velásquez-Rodríguez, Vanesa Bruña, Lourdes Vicent, Felipe Díez-Delhoyo, María Jesús Valero-Masa, Iago Sousa-Casasnovas, Miriam Juárez, Carolina Devesa, Francisco Fernández-Avilés, Manuel Martínez-Sellés
Rev Port Cardiol. 2021;40:285-90
Open access
Artigos Originais
Comentário editorial
Beta-blocker therapy after myocardial infarction or acute coronary syndrome: What we don’t know
José Ilídio Moreira
Rev Port Cardiol. 2021;40:291-2
Open access
Estado da arte
Current status of the treatment of degenerative mitral valve regurgitation
Gonçalo F. Coutinho, Manuel J. Antunes
Rev Port Cardiol. 2021;40:293-304
Open access
Caso clínico
Endocardite por Trichosporon beigelii 11 anos após cirurgia de troca valvar mitral
Renata Couto, Gustavo Couto, Ingrid Abrahão, Inaê Compagnoni, Tatiane Carnio, Julio Tolentino
Rev Port Cardiol. 2021;40:305.e1-305.e3
Open access
Imagem em cardiologia
An abnormal electrocardiogram in a hypothermic man
Paulo M. Araújo, Alzira Nunes, Sofia Torres, Carlos X. Resende, Pedro G. Diogo, Manuel Campelo, Maria J. Maciel
Rev Port Cardiol. 2021;40:307-8
Open access
Carta ao editor
Heart retransplantation combined with kidney transplantation: A first in Portugal
Bruno M.L. Rocha, Catarina Brízido, Gonçalo J.L. Cunha, Christopher Strong, Sara Ranchordas, António Tralhão, Diogo Santos, André Weigert, Carlos M.T. Aguiar, Miguel Sousa-Uva, Miguel Abecasis, Domingos Machado, António Martinho, Miguel Mendes, José P. Neves
Rev Port Cardiol. 2021;40:309-10
Open access
Idiomas
Revista Portuguesa de Cardiologia

Receba a nossa Newsletter

en pt

Are you a health professional able to prescribe or dispense drugs?

Você é um profissional de saúde habilitado a prescrever ou dispensar medicamentos

Ao assinalar que é «Profissional de Saúde», declara conhecer e aceitar que a responsável pelo tratamento dos dados pessoais dos utilizadores da página de internet da Revista Portuguesa de Cardiologia (RPC), é esta entidade, com sede no Campo Grande, n.º 28, 13.º, 1700-093 Lisboa, com os telefones 217 970 685 e 217 817 630, fax 217 931 095 e com o endereço de correio eletrónico revista@spc.pt. Declaro para todos os fins, que assumo inteira responsabilidade pela veracidade e exatidão da afirmação aqui fornecida.